Webmail

Senha

Estado já recebeu quase R$1,6 mi referentes ao Proeducar

26/Nov/2013 | 11:46
  • Fátima Miranda

Valor é referente ao total já pago por estudantes beneficiados pelo Proeducar que negociaram a dívida com o Governo do Estado

R$ 37 milhões já foram negociados por quase 3 mil estudantes, seis meses depois do início das negociações do Proeducar – Programa de Crédito Educativo do Governo do Estado do Tocantins.

Em junho desse ano o Governo do Estado, através da Sedecti – Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação, convocou cerca de 5 mil estudantes beneficiados pelo Programa para negociarem as dívidas.

Do valor total do débito, quase R$ 53 milhões, mais de 70% já foram pactuados. Com média de R$ 6 milhões negociados ao mês, desde o início da mobilização junto aos estudantes. 8 mil boletos já foram pagos, garantindo arrecadação de aproximadamente R$ 1,6 milhão.

O aluno poderia escolher entre pagar o montante em dinheiro – à vista ou parcelado – ou pagar parte da dívida em prestação de serviço ao Governo do Estado e instituições parceiras. Do total negociado, 80% dos alunos optaram por pagar em dinheiro e apenas 20% preferiram prestar serviços.

Das vinte IES – Instituições de Ensino Superior envolvidas no processo, três já estão com 100% das dívidas de alunos negociadas, a média geral é de 70% de negociação por instituição, até agora. Entre os cursos beneficiados Enfermagem, Medicina e Direito lideram o ranking com maior volume negociado.

Como negociar

A negociação deve ser feita pela internet acessando o site sedecti.to.gov.br, no banner do Proeducar. Lá, é possível informar-se sobre o valor da dívida, negociá-la e ainda gerar o boleto que deve ser pago em qualquer agência bancária até o vencimento. Após a data, somente no Banco do Brasil.

O beneficiado, que utilizou o crédito do Proeducar até a conclusão do curso, tem como opções quitar seu débito total em moeda corrente ou até 50% do valor em prestação de serviço ao Governo e entidades beneficentes. A dívida poderá ser parcelada em até uma vez e meia o correspondente ao período de utilização do Crédito Educativo, ou seja, quem utilizou o crédito por quatro anos poderá parcelar seu débito em até seis anos, por exemplo.

Proeducar

O Proeducar – Programa de Crédito Educativo do Governo do Estado do Tocantins visa financiar parcialmente os cursos de graduação de estudantes carentes matriculados em Instituições de Ensino Superior não gratuitas no Tocantins, podendo financiar até 85% do valor da mensalidade, calculados a partir da renda mensal do grupo familiar apresentada pelo candidato no ato do processo seletivo. As Instituições oferecem um desconto de 20% no valor do restante da mensalidade, cabendo ao beneficiário pagar somente uma pequena diferença.

 

Licença: Os textos veiculados pela Assessoria de Imprensa da Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação/Mineratins podem ser reproduzidos apenas para fins jornalísticos, mediante a citação da fonte. Para mais informações, entre em contato conosco pelo telefone (63) 3218-2035, das 8h às 12h e das 14h às 18h.  

 

Lido 487 vezes
Avalie este item
(0 votos)

Outras Notícias